menu
-Agenda Cultural
-Restaurantes
-Teatros
-Museus
-Comentários
-Fale conosco
-Política de Privacidade
-Utilidade Pública
-Links Feirense
-Artes Cênicas
-Artes Visuais
-Artesanato
-Bandas
-Literatura
-Músicos
ENTRETENIMENTO
-Cinema
-Arquivo de Eventos
-Festival Vozes da Terra
-Festival Gospel 2010
-Natal na Praça 2010
-Micareta 2011
-Últimos Eventos
-Radio Viva Feira
-TV Viva Feira
-Videos Viva Feira
COLUNISTAS
-Beto Souza
-Cezar Ubaldo
-Emanoel Freitas
-Fabiana Machado
-Luís Pimentel
-Maiara Santos
-Raymundo Luiz Lopes
-Sandra Campos
-Sandro Penelú
-Silvana Carneiro
 
 
 
CIRCUITO URBANO ONU HABITAT 2019

Com o tema “Gestão de Resíduos Domésticos”, o Sesc de Feira de Santana participa com ações para conservação do Meio Ambiente.

Publicado em: 23/10/2019 - 12:10:04

    O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) atua em prol do desenvolvimento urbano social, econômico e ambientalmente sustentável e promove a moradia adequada para todos.
    A ONU-Habitat realiza anualmente no mês de outubro o Circuito Urbano, que se inicia com o Dia Mundial do Habitat (7) e se encerra com o Dia Mundial das Cidades (31), e conta sempre com temas selecionados para compartilhar conhecimentos e experiências para promover um futuro urbano melhor - uma convocatória nacional para apoiar institucionalmente eventos organizados por diversos atores.
Em 2019 está sendo realizada a 2ª edição com o tema geral “Cidades Inovadoras e Inclusivas”. Neste contexto, o Sesc Bahia foi selecionado para compor o Circuito Urbano da ONU Habitat com a realização de ações para conservação do Meio Ambiente no Centro de Atividades de Feira de Santana, em parceria com a Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cidadania Sustentável. A proposta é promover a sensibilização socioambiental com a temática Gestão de Resíduos Domésticos, em prol da melhoria da condição socioeconômica e ambiental das cidades.

Dias 30 e 31 de outubro de 2019
 
14h | Palestra “Gestão de Resíduos Domésticos”, ministrada pelo biólogo Heber Moraes, com participação da bióloga Érika Teles e da pedagoga Elizângela Lucena, representantes da Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cidadania Sustentável - UNAMACS.

14h40 às 17h | Oficinas
    • Sabão com reutilização de óleo residual, ministrada pelo biólogo Heber Moraes - UNAMACS | Local: pátio em frente à Academia.
    • Compostagem e dicas de aproveitamento para plantio, ministrada pela bióloga Érika Teles e pela pedagoga Elizângela Lucena – UNAMACS | Local: pátio da horta escolar.
    • Artesanato Sustentável, ministrada pela equipe Sesc (Rede Recostura/Mesa Brasil Sesc Feira de Santana e Centro de Formação Artesanal de Salvador). | Local: pátio em frente à Academia.
    • Culinária Sustentável, ministrada pela equipe Sesc (Restaurante Sesc Feira de Santana e Curso de Culinária). | Local: Cozinha Pedagógica – fundo da Quadra Coberta.
Obs.: Inscrições gratuitas (30 vagas por oficina) até 25 de outubro, das 8h às 16h, no Setor Social do Centro de Atividades de Feira de Santana - Rua Guaratatuba, 345, Tomba, ou através do Sympla pelo link https://www.sympla.com.br/oficinas-de-meio-ambiente__680959. Público-alvo: portadores do Cartão Sesc e comunidade. As oficinas serão realizadas simultaneamente. Portanto, só é permitida a inscrição em uma oficina por dia de evento, cuja inscrição contempla a participação nas palestras que acontecerão nos dias 30 e 31/10, às 14h. Mais informações: (75) 3622-1550.
 
CIRCUITO DA SUSTENTABILIDADE
    Paralelo às oficinas e palestras, no Centro de Atividades o Sesc realiza o “Circuito da Sustentabilidade” com espaços para exposição de produtos desenvolvidos pela Instituição através dos cursos e das práticas sustentáveis adotadas em suas Unidades da Capital e do Interior. A finalidade é divulgar para a sociedade o portfólio de produtos e serviços oferecido ao público em geral. Denominado Estações, o Circuito contempla:
    Artesanato Sustentável – através dos cursos realizados no Centro de Formação Artesanal, em Salvador, e nas Unidades do Interior, o Sesc ensina como reutilizar resíduos domésticos transformando-os em peças criativas e sustentáveis.
    Fantasia Sustentável - através do Trabalho Social com Idosos, o Sesc promove o protagonismo da pessoa idosa com ações de convivência intergeracional, reuniões, oficinas e cursos. Dentre as ações está o projeto “Sustentabilidade Nunca Sai de Moda”, realizado em Feira de Santana, que estimula a conservação do meio ambiente a partir da confecção de fantasias elaboradas com resíduos domésticos e alinha a criatividade, psicomotricidade e integração social com a Educação Ambiental.
Móvel Sustentável - através dos cursos realizados no Centro de Formação Artesanal, em Salvador, o Sesc ensina como reutilizar resíduos domésticos transformando-os em móveis criativos e sustentáveis.
Vestuário e Assessórios Sustentáveis – através do projeto Rede Recostura, realizado com Instituições cadastradas no Programa Mesa Brasil, o Sesc ensina a reutilizar peças inservíveis do vestuário, transformando-as em belos produtos comercializáveis e sustentáveis.
    Culinária Sustentável - através dos Restaurantes e cursos de Culinária, o Sesc apresenta e ensina um jeito de cozinhar que valoriza a saúde, a economia doméstica e o meio ambiente com  a transformação de talos, cascas e sementes em receitas criativas e saudáveis.
Brinquedo Sustentável – na Rede de Escolas e nos projetos recreativos, o Sesc ensina um jeito sustentável ao transformar objetos inservíveis de uso doméstico em brinquedos criativos.
Compostagem – na Rede de Escolas e nas Instituições atendidas pelo Programa Mesa Brasil, o Sesc ensina a importância da cultura da horta para a alimentação saudável, conservação ambiental e economia doméstica.
    Fabrico de Sabão com óleo residual – nos Restaurantes e lanchonetes, o Sesc colabora com a conservação do meio ambiente e geração de renda ao adotar a política de doação de óleo e gordura residual para as Cooperativas de Reciclagem.

PAINEL “RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL - #TODODIAÉDIADESESC”
    Mostra fotográfica de projetos e atividades realizadas pelo Sesc na Bahia com foco em Meio Ambiente:
    Horta Escolar - O Sesc adota como estratégia pedagógica na Rede de Escolas para a promoção da alimentação saudável e educação ambiental.
Rede de Bibliotecas - O Sesc disponibiliza um acervo de publicações sobre a temática ambiental para consulta e empréstimos.
    Meio Ambiente, Tire Proveito com Respeito - O Sesc difunde conteúdos de relevância socioambiental através de palestras, oficinas, rodas de conversa, exposições, entre outras realizações.
    Campanha Lacre do Bem - O Sesc mobiliza a  participação social na arrecadação de lacres de alumínio, com ganho socioambiental na conservação do meio ambiente e doação de cadeira de rodas.
 
EXPOSIÇÃO COLETIVA
Obras com conceito da sustentabilidade econômica e socioambiental, produzidas por artistas locais e outras regiões.

AUTORIA: Release da Ascom Sesc Bahia - Aline Alcantara Barreto Santos



FEIRA DE SANTANA RECEBE VIVÊNCIA ARTÍSTICA NA ÁREA DE PATRIMÔNIO IMATERIAL

O projeto Nordeste das Artes acontece no Centro Cultural Sesc com a presença de mestres e mestras da cultura popular de todo o Nordeste.

Publicado em: 18/10/2019 - 16:10:49

    Nos dias 22 e 24 de outubro, o Sesc Bahia realizará uma vivência artística na área de patrimônio imaterial com a presença de mestres e mestras da cultura popular de cada estado do Nordeste, no Centro Cultural Sesc em Feira de Santana. A iniciativa faz parte da primeira edição do projeto NORDESTE DAS ARTES e integra um conjunto de ações que estão sendo realizadas colaborativamente pelos nove Estados da região Nordeste. A programação gratuita!
    O projeto tem como objetivo fomentar maior proximidade entre os Estados da região e promover trocas de saberes, por meio de fóruns, debates e vivências artísticas tendo como participantes os profissionais que atuam no campo da cultura e da arte. Estarão presentes ao evento, além de pelo menos um representante da cultura popular de cada estado nordestino, técnicos da área cultural do Sesc dos nove estados da região.
    A abertura do evento acontece no dia 22, às 10h, com a presença do Diretor Regional do Sesc, José Carlos Boulhosa Baqueiro, e da Analista em Patrimônio cultural do Departamento Nacional do Sesc, Flávia Tebaldi. Na sequência, o público presente poderá apreciar a apresentação dos Aboiadores de Valente, pai e filho, aboiadores reconhecidos na região de Valente com suas histórias e cantoria de aboios e toadas. Às 13h30 acontece a roda de conversa ‘Os saberes e tradições da minha terra’, com a presença de mestres e mestras da cultura popular do Nordeste representando importantes expressões e manifestações culturais da região, como o Samba de roda, Dança de São Gonçalo do Amarante, Samba de coco, Tambor de crioula, Bumba-meu-boi, Congo, entre outras. São eles: Mestre Nelson da Rabeca (Messias-AL), Mestra Dona Chica do Pandeiro (Matinha, Feira de Santana-BA), Mestre Chico (Faceira, Limoeiro do Norte-CE), Mestre Ciço Gomes (Arcoverde-PE), Mestra Ana do Coco (Quilombo Ipiranga-PB), Mestre Gláucio PeduBreu (São Gonçado do amarante-RN), Mestre Batista (Catanduvas-PI), Mestre Neilton (Laranjeiras-SE) e Mestra Maria do Coco (Guimarães-MA). No encerramento da noite, às 18h, Mestre Bule-bule em uma apresentação com conversaria e cantoria.
    A programação do dia 24 começa às 9h, com facilitadores do Centro de Formação Artesanal do Sesc conduzindo experimentações práticas em renda de bilro, tecelagem, cerâmica em torno, renascença e serigrafia. Às 13h30, Ailton Krenak - uma das maiores lideranças do movimento indígena brasileiro - marca presença no evento com a palestra ‘Sabedoria dos povos da floresta’. Ailton é ambientalista e escritor e pertence à etnia indígena crenaque. O dia prossegue com a vivência ‘O encantamento dos vários Nordestes’, às 15h30, mais uma vez dando voz aos nove mestres e mestras convidados. No fechamento do projeto, às 18h, o grupo Quixabeira da Matinha anima o público com um grande samba de roda e ritmos de diversas manifestações populares como a bata de feijão, folia de reis, cantiga de roda e boi da roça.

Serviço
O que: Sesc Nordeste das Artes - Vivência artística de Patrimônio – mestres e mestras da cultura popular
Quando: 22.out – 10h30 às 18h | 24.out – 9h às 18h
Onde: Centro de Cultura Sesc | Feira de Santana
Programação gratuita | www.sescbahia.com.br
22 de outubro
10h - Abertura oficial
10h30 – Os sons e saberes dos vaqueiros - Aboiadores de Valente/BA
13h30 - Roda de conversa "Os saberes e tradições da minha terra" - Mestres e Mestras da cultura popular do Nordeste
18h - Conversaria e cantoria com o Mestre Bule-Bule

24 de outubro
9h às 17h - Experimentação prática em renda de bilro, tecelagem, cerâmica em torno, renascença e serigrafia
13h30 - Sabedoria dos povos da floresta com Ailton Krenak
15h30 - "Os encantamentos dos vários nordestes" - Vivência com os Mestres e Mestras da cultura popular
18h - Samba de roda com a Quixabeira da Matinha

Sobre os mestres
AlagoasfOTO: wILLIAN fAGNER
Mestre Nelson da Rabeca (Messias-AL)
Agricultor, rabequista, acordeonista e compositor de baiões, xotes, marchas e forró pé-de-serra. Descobriu sua aptidão em tocar e produzir instrumentos aos 54 anos. Em 2009, foi reconhecido como Patrimônio Vivo do Estado Alagoas.
Expressão cultural: Autodidata, constrói rabecas desde os anos 1970, com originalidade e perfeição. Pesquisa madeiras diferentes, objetivando a beleza e o resultado sonoro do instrumento. Vive de confeccionar rabecas e se apresentar em shows com sua Benedita da Silva, que o acompanha como vocalista.

Bahia
Mestra Dona Chica do Pandeiro (Matinha, Feira de Santana-BA)
Filha de lavradores, Dona Chica trabalhou na roça desde pequena e ao crescer casou-se com o famoso Coleirinho da Bahia, com o qual teve cinco filhos. O caçula é quem lidera o grupo Quixabeira da Matinha, do qual Dona Chica tornou-se pandeirista após a morte do esposo.
Expressão cultural: O Samba de Roda é um acontecimento popular festivo que combina música, dança e poesia. Surgiu no século XVII, na região do Recôncavo Baiano, e vem das danças e tradições culturais dos africanos escravizados da região. Além disso, contém elementos da cultura portuguesa, como a língua, a poesia e alguns instrumentos musicais.

Ceará
Mestre Chico (Faceira, Limoeiro do Norte-CE)   
Aprendeu a brincadeira do boi com o tio João Caboclo, com quem fundou no ano de 1980 o Boi Pai Campo da comunidade da Faceira, em Limoeiro do Norte. Em 2005, foi reconhecido como Mestre da Cultura Popular do Estado do Ceará.
Expressão cultural: O Boi é patrimônio de Faceira e tornou-se motivo de celebração e encontro da comunidade. A brincadeira do bumba-meu-boi foi passando de geração para geração, povoado para povoado, até bater em Faceira. Foi quando João Caboclo construiu com suas próprias mãos o boi, feito de ripa de madeira assada.

Pernambuco
Mestre Ciço Gomes (Arcoverde-PE)
Conheceu o samba de coco nos anos de 1960, levado pela mãe ao coco do saudoso Ivo Lopes. Em 1972, escreveu a música “A Vida tava tão boa” que marcaria sua carreira.  Em 1996, passa a integrar o Coco Raízes de Arcoverde e em 1999 funda seu próprio grupo que batiza de Samba de Coco Trupé de Arcoverde.
Expressão cultural: O samba de Coco tem origem indígena e negra, tendo no Brasil como base os quilombos. Na cidade de Arcoverde, essa manifestação cultural possui uma sonoridade vinda do ganzá, do triângulo, do pandeiro, com uma batida forte e rápida vindo do surdo que se mistura ao trupé dos pés de integrantes que calçam tamancos de madeira.

Paraíba
Mestra Ana do Coco (Quilombo Ipiranga-PB)   
Filha da Mestra Dona Lenita e neta do Mestre Zé Pequeno, aos 18 anos passou a tomar gosto pela tradição cantando coco e ensinando as crianças da comunidade. Em 2010 e 2018, foi premiada pelo Cultura Viva (MINC). Seu coco é o coco de umbigada.
Expressão cultural: A festa do coco de roda é considerada a manifestação cultural mais tradicional do estado da Paraíba. O Coco de Roda Novo Quilombo foi fundado há 30 anos pela Mestra da Cultura Popular, Dona Lenita, e contribui com a cultura e educação popular local.

Rio Grande do Norte
Mestre    Gláucio PeduBreu (São Gonçado do amarante-RN)   
Neto sucessor do Mestre de congo Lucas Teixeira de Moura e sobrinho do Mestre Sérvulo Teixeira do coco de roda Bambelô da Alegria. Em 2010 foi coroado Mestre de Congo por seu tio Sérvulo Teixeira, na missa de 7° dia de seu avô.
Expressão cultural: Congada, congado ou congo, é uma expressão cultural e religiosa que envolve o canto, dança, teatro e espiritualidades cristã e de matriz africana. Louva-se Nossa Senhora do Rosário, São Benedito e Santa Efigênia, pela proteção que deram aos escravos negros.


Piauí   
Mestre Batista (Catanduvas-PI)
Proprietário e Amo dos Bois Rei da Boiada e Boi Mirim Garantido. Rei da Boiada é o Boi mais antigo em atividade ininterrupta da Parnaíba, atuante desde o princípio do século 20 e já foi campeão 15 vezes do São João da Parnaíba.    
Expressão cultural: O Bumba-meu-boi é uma dança folclórica que ocorre com variações de lugar para lugar. Estudos o definem como uma “dança dramática”, um “bailado cômico-dramático”, “folguedo de rua” ou “manifestação folclórica com dança, canto e declamações”.
Sergipe   
Mestre Neilton (Laranjeiras-SE)
Conselheiro do Conselho de Promoção da Igualdade Racial em Sergipe e no município de Laranjeiras/SE. Presidente e fundador do Instituto Quilombo em Ação e tem Curso de Gestão Cultural para jovens lideranças de grupos de tradição na cultura popular na UFF.
Expressão cultural: A dança de São Gonçalo do Amarante é acompanhada por violões, pulés (instrumentos feitos de bambu), e caixa, que é tocada pelo "patrão", homem vestido de marinheiro, como alusão a São Gonçalo do Amarante.

Maranhão   
Mestra Maria do Coco (Guimarães-MA)
Reconhecida como Mestra da Cultura Popular e Mestra do Tambor de Crioula, é responsável pelo grupo Tambor de Crioula Manto de São Benedito, que teve origem no povoado quilombola do município de Guimarães, com a sua avó, Dona Salu, que foi ex-escrava.
Expressão cultural: O Tambor de Crioula do Maranhão é uma forma de expressão de matriz afro-brasileira que envolve dança circular, canto e percussão de tambores. Seja ao ar livre ou lugares fechados é realizado sem calendário pré-fixado e praticado especialmente em louvor a São Benedito.

AUTORIA: Release da Assessoria de Comunicação Institucional do Sesc Bahia



BIBLIOTECA CENTRAL OFERECE OFICINA DE ALFABETIZAÇÃO DE DADOS PARA PESQUISADORES


Publicado em: 14/10/2019 - 10:10:16

    A Biblioteca Central Julieta Carteado da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) promove a oficina “Alfabetização de Dados para Pesquisadores”, no dia 24 de outubro, das 8h às 12h, como parte da programação da Semana Nacional do Livro e da Biblioteca e da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.
    A oficina ocorrerá no Auditório da Biblioteca Central da UEFS, e terá carga horária de 4 h. O facilitador será o bibliotecário Makson de Jesus Reis, Mestre em Gestão da Informação e do Conhecimento (UFS), doutorando em Ciência da Informação (UFBA).
    As inscrições estão sendo realizadas presencialmente na Secretaria da Biblioteca Central Julieta Carteado, até o dia 11 de outubro, das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h30. Serão disponibilizadas 50 (cinquenta) vagas. Para se inscrever, o interessado deverá entregar a ficha de inscrição preenchida juntamente com 1 kg de alimento não perecível (exceto sal, açúcar e farinha).

- Outras informações por meio do telefone (75) 3161-8004 ou do e-mail bcjceventos@uefs.br

AUTORIA: Release da Ascom UEFS



ESPECIAL MÊS DAS CRIANÇAS NO SESC

Ampla programação para os pequenos e toda a família!

Publicado em: 08/10/2019 - 09:10:27

    Para celebrar o mês das crianças, o Sesc preparou uma programação especial com atividades nos centros de lazer e espaços culturais da capital e interior. Maratona infantil, espetáculos de teatro, contação de histórias, oficinas, exibição de filmes e circuito de brincadeiras são algumas opções de diversão em família para comemorar a data.
    Em Salvador, as ações começam nos dias 8 e 9, na unidade Sesc Aquidabã, com recreação esportiva, jogos, brincadeiras e contação de histórias para os alunos matriculados nos cursos de iniciação esportiva. No Sesc Piatã, no dia 12, a programação começa cedo, às 9h, com a Trup da Alegria recepcionado crianças e adultos, além de muitas brincadeiras, jogos, apresentação musical e atividades esportivas. Para quem prefere o centro da cidade, o Teatro Sesc-Senac Pelourinho oferece cultura e arte para os pequenos! No dia 12, às 15h, tem oficina de Danças Populares para crianças de 8 a 12 anos, com inscrição gratuita. Para quem gosta de teatro, o espetáculo Remendo Remendó, às 17h, traz a literatura de cordel através de causos e narrativas com muitas cores, música e cultura popular. Preços acessíveis: R$1(Cartão Sesc) | R$10 e R$5 (meia).
Minha Aldeia – Sessão de Histórias e Cantigas do Teatro Griô (2)    No domingo, dia 13 às 11h, o Teatro Sesc Casa do Comércio realiza o projeto Dominguinho, com o espetáculo Minha Aldeia – Sessão de Histórias e Cantigas do Teatro Griô. Mitos e contos populares de tradições africanas, afro-brasileira, indígenas e ibéricas são apresentados ao público de forma leve, engraçada e lírica, envolvendo toda a família no universo das cantigas e tradição oral. Preços acessíveis: R$1(Cartão Sesc) | R$10 e R$5 (meia) e cardápio infantil especial!
    Nas unidades do interior não faltará diversão! Em Feira de Santana, o Centro Cultural Sesc traz nos dias 5 e 12, às 15h,  o show “Maria Escombone e o Violão Encantado” – que mistura música e teatro nesta apresentação que aproxima os pequeninos da Música Popular Brasileira. A entrada é gratuita. Para quem curte um bom filme com a garotada, tem CineSesc especial na unidade, com o filme “O galo de São Victor”. Sessões às 15h e 18h30, gratuitas. E claro, não podia faltar o teatro! A Fulanas Cia. de Circo apresenta no dia 12, às 11h e no dia 26, às 15h, o espetáculo “Clássica” - com os clássicos da dramaturgia dos palhaços, com reprises de números e brincadeiras com a plateia. A unidade do Sesc no bairro do Tomba tem oficina de Origami, no dia 8, às 10h e 15h e no dia 12, a partir das 9h, brincadeiras, filmes, músicas, arena de jogos, brinquedos infláveis, oficinas de construção de brinquedos, contação de histórias, jogos recreativos e apresentações teatrais para toda a família. Acesso com Cartão Sesc válido.
    Em Barreiras, Jequié, Paulo Afonso, Porto Seguro, Santo Antônio de Jesus e Vitória da Conquista a comemoração nas unidades do Sesc será no sábado, dia 12, com oficinas, jogos, exibição de filmes, atividades lúdicas, apresentações musicais, escultura em balão, pintura facial e aulas especiais para pais e filhos se divertirem juntos!

Procure a unidade mais próxima e participe das comemorações.
Mais informações: www.sescbahia.com.br

Programação
SESC AQUIDABÃ
8 e 9.out | 9h |  Recreação esportiva, jogos, brincadeiras e contação de histórias.

SESC PIATÃ
12.out | a partir das 9h - Trup da Alegria, brincadeiras, jogos, apresentação musical e      atividades esportivas.

TEATRO SESC-SENAC PELOURINHO
12.out
    • 15h - Oficina de Danças Populares para Crianças - O trabalho reúne um conjunto de danças populares do Brasil e propõe um diálogo focado na preparação e na consciência corporal a partir de elementos básicos. Público-alvo – crianças de 8 a 12 anos. Inscrição gratuita.
    • 17h - Espetáculo Remendo Remendó | R$1(Cartão Sesc) | R$10 e R$5 (meia)

TEATRO SESC CASA DO COMÉRCIO
13.out | 11h - Projeto Dominguinho apresenta Minha Aldeia – Sessão de Histórias e Cantigas do Teatro Griô  | R$ 1 (Cartão Sesc) | R$ 10 e R$ 5 (meia)

FEIRA DE SANTANA
Unidade Sesc no bairro do Tomba *acesso com Cartão Sesc
8.out | 10h e 15h - Oficina de Origami
12.out | 9h às 16h – Brincadeiras, filmes, músicas, arena de jogos, brinquedos infláveis, oficinas de construção de brinquedos, contação de histórias, jogos recreativos e apresentações teatrais
Unidade Sesc no Centro
5 e 12.out | 15h | Maria Escombone e o Violão Encantado | gratuito
9.out | 15h e 18h30 – CineSesc com o filme O galo de São Victor especial | gratuito
12.out às 11h e 26.out às 15h  - Espetáculo Clássica – Fulanas Cia. de Circo  | R$ 10 e R$ 5 (meia-entrada e Cartão Sesc)

BARREIRAS, JEQUIÉ, PAULO AFONSO, PORTO SEGURO, SANTO ANTÔNIO DE JESUS E VITÓRIA DA CONQUISTA *acesso com Cartão Sesc
12.out - oficinas, jogos, exibição de filmes, atividades lúdicas, apresentações musicais, escultura em balão, pintura facial e aulas especiais
Experimentação em diferentes atividades de lazer e diversão.

Assessoria de Comunicação Institucional do Sesc Bahia
(71) 3273 8709 | ascom@sescbahia.com.br

AUTORIA: Release da Ascom do Sesc Bahia - Martina Oliveira Argolo
Fotos




PROGRAMAÇÃO DE OUTUBRO DO AMÉLIO AMORIM

É forte também a presença do Fenatifs no CCAA neste mês de outubro

Publicado em: 01/10/2019 - 01:10:23

Nome do evento: Curso de Decoração de Bolo Artístico e Docinhos decorativos
Linguagem: Multilinguagem
Sinopse:Aprenda a fazer a legítima pasta americana caseira feita em sala de aula, Técnicas de
Coloração, Cobertura no bolos, rendas, flores, comestíveis, copos de leite, rosa e orquídeas pasta
de leite ninho para bolo infantil.
Dia e Horário: 10 e 11/10/2019 das 09:00h ás 21:00
Entrada: R$49,90 (inteira) e R$24,95 (meia)
Classificação: 12 anos
Local: Salas Multiuso
Realização: Flores Minas Artesanato (31) 99926-9372

Nome do evento: 12° FENATIFS - Workshop de Dança/Teatro - Invencionando o Movimento
Linguagem: Multilinguagem
Sinopse:A Cooperativa de Teatro para a Infância e Juventude da Bahia - Cia Cuca de Teatro
estará realizando o 9° FENATIFS - Festival Nacional de Teatro Infantil de Feira de Santana- BA,
com o intuito de movimentar, valorizar, debater e desenvolver o teatro para a infância e juventude
consolidadno a Bahia como pólo fomentador do teatro infantil brasileira.
Direcionado a atores e não atores, dançarios e não dançarinos interessados em pesquisar novas
possibilidades na comuniação e expressão corporal, invencionando o movimento abordará o fluxo
do corpo, a pré-expressividade na relação corpo-voz em movimento e a energia dinâmica
enquanto aspectos desta experiencia intuitiva. Invencionar seu movimento é estar a todo
momento em estado de pesquisação e mergulhar em suas memórias.
Dia e Horário: 09/10/2019 das 10:00h ás 12:00
Entrada: Gratuita
Classificação: 16 anos
Local: Sala Multiuso
Realização: CIA CUCA DE TEATRO (75) 99933-5786

Nome do evento: 12° FENATIFS - Oficina História e o Humor
Linguagem: Multilinguagem
Sinopse:A Cooperativa de Teatro para a Infância e Juventude da Bahia - Cia Cuca de Teatro
estará realizando o 9° FENATIFS - Festival Nacional de Teatro Infantil de Feira de Santana- BA,
com o intuito de movimentar, valorizar, debater e desenvolver o teatro para a infância e juventude
consolidadno a Bahia como pólo fomentador do teatro infantil brasileira.
A mímica é com certeza a mais antiga linguagem existente e torna-se orgânico a comunicação
através dos signos e gestos já estranhos em nossa cultura humana. Esta oficina de mímica visa
levar ao conhecimento daeueles que nao intimidade com a comunicação não verbal uma forma de
expressão que apesar de não convencional é a precurssora.
- Historico da mumica no mundo e no Brasil
Dia e Horário: 10/10/2019 das 14:00h ás 18:00
Entrada: GratuitaClassificação: 16 anos
Local: Sala Multiuso
Realização: CIA CUCA DE TEATRO (75) 99933-5786

Nome do evento: Mega Game-con
Linguagem: Multilinguagem
Sinopse: Nessa edição o Game-con não contará com apresentações de banda. Esse anos
teremos as palestras do pessoal do mundo canimal (São Paulo), e do jovem nerd (paraná). Alem
de mesas sobre: COSPLAY,TCG,RPG E TRETANIME. danças com o grupo Kiken-sei e academia
TaoKuan e apresentações teatrais com o conselho Jedi Bahia, Anbu de Elite e Toku Bahia.”.
Dia e Horário: 26 e 27/10/2019 das 07:00h ás 18;30
Entrada: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Classificação: Livre
Local: Foyer e Sala de Ensaio
Realização: Joaby Queiroz (75) 99187-7500

AUTORIA: Release da Ascom do CCAA



PRAÇA PADRE OVÍDIO RECEBE MAIS UMA EDIÇÃO DA FLIFS


Publicado em: 23/09/2019 - 03:09:21

    Durante seis dias a cidade de Feira de Santana se transforma na Feira dos livros, da arte, da cultura e do encontro com as palavras. A programação terá início na próxima terça-feira (24) e o cenário da Praça Padre Ovídio já foi transformado para acolher um público estimado de 70 mil pessoas.
    Numa área de, aproximadamente 4 mil m², 70 stands montados para disponibilizar ao público produtos e serviços de dezenas de editoras, livrarias, bibliotecas e grupos de leitura. Além dos corredores da Flifs, que servem de “palco” para várias manifestações artísticas, a estrutura do evento na praça também inclui mais quatro espaços para programação: Auditório Julieta Carteado, Arena Rita Brêda, Praça Rodolfo Coelho Cavalcante (Praça do Cordel) e Palco Maryzélia.
    Durante toda a semana, o público visitante contará com uma programação gratuita de contações de histórias, apresentações teatrais, apresentações culturais, lançamentos de livros, shows musicais, oficinas, mesas de conversa e palestras.
    A Feira do Livro de Feira de Santana (Flifs) se estenderá até a tarde do dia 29 de setembro (domingo). A cantora Maryzélia encerrará a programação, às 16h30, levando ao palco que recebe o próprio nome, o show “A Dona do Pedaço”.

Confira a Programação Completa.

AUTORIA: Release da Ascom UEFS
Fotos




PROJETO FEIRA TEM TEATRO RECEBE ESTREIA DE ESPETÁCULO SOBRE MARIA QUITÉRIA

O espetáculo “Quitéria” é o título do novo espetáculo do grupo Cordel de Teatro criado para revelar passagens pouco conhecidas de Maria Quitéria.

Publicado em: 17/09/2019 - 02:09:17

    O Projeto Feira Tem Teatro receberá entre os dias 20 e 21 de setembro, às 20h, no teatro do CUCA, o espetáculo “Quitéria”, do grupo Cordel. O enredo aborda a trajetória da heroína Maria Quitéria de Jesus, nascida na região de Feira de Santana, um exemplo de pioneirismo nas relações sociais e de gênero. Maria Quitéria marcou a história brasileira através de seus feitos, sua coragem e determinação.
    Mas e a vida dessa mulher, você conhece? “Quitéria” é o título do novo espetáculo do Grupo Cordel que foi escrito com a intenção de mostrar as passagens pouco conhecidas dessa mulher: suas perdas e conquistas pessoais, suas angustias, seus amores, etc. No elenco do espetáculo: Julia Lorrana, Léo Sátiro, Cleyton Vidal, Lion Guimarães, Aída Vitória, Carol Acos e Denner Lobo. O texto e a direção é de Geovane Mascarenhas. Trilha sonora e direção musical de Deco Simões.
    O Grupo Cordel de Teatro está atuando em Feira de Santana desde 2011, com o objetivo de resgatar a memória cultural local. A linguagem sertaneja, feita em versos, remete à literatura de cordel, à expressividade corporal e agora à música, elementos importantes para a identidade do grupo. Já montou “A Cidade da Rua Direita” um misto de ficção e realidade que conta um pouco da história de Feira.
    O Projeto Feira Tem Teatro além de evidenciar a arte produzida na cidade, traz a cada mês um espetáculo e a partir dele uma temática é explorada através de um bate papo (sempre às sextas-feiras). O projeto também possibilita o contato com outras linguagens como a música e a poesia que compõe o Palco aberto, aos sábados. A programação começa sempre às 19h com as atividades extras e o espetáculo sempre é apresentado às 20h.

SERVIÇO:
ESPETÁCULO: Quitéria
DIAS: 20 (sexta) e 21 (sábado) de Setembro
HORÁRIO: Na sexta-feira: 19h – Bate papo (Foyer do Teatro)
20h – Espetáculo “Quitéria”
No sábado: 19h – Espaço aberto para artistas da música
20h – Espetáculo “Quitéria”
LOCAL: Teatro Universitário do Cuca
INGRESSOS: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia).
CLASSIFICAÇÃO: 12 anos

AUTORIA: Release da Ascom do Feira Tem Teatro - Aloma Galeano
Fotos




COLETIVO CERVEJEIROS FEIRENSES REALIZA A 1ª EDIÇÃO DA FEIRA DA CERVEJA, NO CONTAINER MALL

Na ocasião, todos os chopes das 9 cervejarias presentes vão custar R$ 6!

Publicado em: 13/09/2019 - 16:09:51

    Nos dias 14 e 15 de setembro, das 11h às 21h, no estacionamento do Container Mall (Av. Maria Quitéria, nº 2011, Feira de Santana), será realizada a primeira edição da Feira da Cerveja. Organizado pelo Coletivo de Cervejeiros Feirenses, o evento vai reunir produtores de cerveja artesanal local, em um momento de descontração, partilha, negócios e aprendizado. Na ocasião, todos os chopes das 9 cervejarias presentes vão custar R$ 6. A programação também inclui show de rock com Robert Dommock Band e Papel Carbono. A entrada é gratuita.
    A Feira da Cerveja tem como objetivo proporcionar entretenimento, lazer e a ocupação dos espaços urbanos, através da sociabilidade que o consumo de cerveja propicia. Além disso, a disseminação da cultura cervejeira, a formação de novos públicos consumidores e a possibilidade de degustar diversos sabores são fatores preponderantes na realização do evento.

SERVIÇO
O que: FEIRA DA CERVEJA
Onde: estacionamento do Container Mall (Av. Maria Quitéria, nº 2011, Feira de Santana)
Quando: 14 e 15 de Setembro
Horário: das 11h até às 21h
Entrada: GRATUITA / chope por R$ 6,00.
Classificação para consumo: 18 anos
Mais informações: Instagram @cervejariasertoes

AUTORIA: Release da Jacarandá Comunicação - Mara Rocha
Fotos




OCUPAÇÃO ARTÍSTICA JERIMUM CULTURAL VAI COMEMORAR OS 27 ANOS DO CENTRO CULTURAL AMÉLIO AMORIM


Publicado em: 03/09/2018 - 19:09:18

    A Ocupação Artística Jerimum Cultural vai comandar a comemoração dos 27 anos do Centro de Cultura Amélio Amorim, em Feira de Santana. O jardim do espaço cultural receberá uma extensa programação com oficinas criativas, shows musicais, apresentações de circo, além de prestação de serviços à comunidade como corte de cabelo e barbearia e shows de Roça Sound e Roberto Kuelho. O evento acontecerá no dia 14 de setembro, sábado, a partir das 10h e, para ter acesso, basta levar um quilo de alimento não perecível ou uma peça de roupa para doação a instituições filantrópicas. A realização é do Centro de Cultura Amélio Amorim, Coletivo Cultural O Beco é Nosso e Cia Cuca de Teatro, com apoio do Sesc.
    Durante todo o dia a população feirense poderá participar das oficinas gratuitas de duas modalidades de arte urbana – grafite e pulverografia – e oficina de turbante, além das aulas abertas de swing baiano, dança de salão, dança do ventre e tribal. Para o público infantil, a Cia Cuca de Teatro fará apresentações que mesclam teatro e arte circense. Encerrando o dia de atividades, os Dj’s e MC’s da Roça Sound darão uma mostra do som da banda com influência jamaicana, e o cantor e compositor Roberto Kuelho fará show com repertório de sua carreira solo.
    Cia Cuca de Teatro – Formada por artistas independentes que trabalham desde 1998 com teatro para a infância e juventude, a Companhia promove ações para divulgação e desenvolvimento do teatro com alto nível artístico e técnico e promove intercâmbios nacionais e internacionais com entidades culturais. O grupo é conveniado com o Governo do Estado da Bahia, através do Projeto Cultura Mais Circo, que é um dos Pontos de Cultura do território Portão do Sertão.
    Roça Sound – Influenciados pelo contexto popular jamaicano e pela cultura nordestina, o Roça Sound é um grupo de Sound System (Sistema de Som) composto por DJ’s e MC’s que conduzem gêneros musicais como Ska e Rocksteady, ancestrais do Reggae e Dub, além de batidas mais contemporâneas como Dancehall e Bahia Bass.
    Roberto Kuelho – Cantor e compositor feirense, Kuelho fez sucesso como vocalista do grupo Xero Mole e, desde 2016, lançou-se em carreira solo cantando ritmo que ele define como “pop com dendê”, misturando gêneros como axé, reggae, pagode, samba-reggae.
    Link da matéria: https://ccamelioamorim.wordpress.com/2019/08/29/ocupacao-artistica-comemora-aniversario-do-centro-de-cultura-amelio-amorim/

AUTORIA: Release da Ascom do CCAA



Mais Notícias

    Durante seis dias a cidade de Feira de Santana se transforma na Feira dos livr...

    O Projeto Feira Tem Teatro receberá entre os dias 20 e 21 de setembro, ...

    Nos dias 14 e 15 de setembro, das 11h às 21h, no estacionamento do Cont...

    A Ocupação Artística Jerimum Cultural vai comandar a come...

    O cantor e compositor santamarense Roberto Mendes e a cantora e compositora fe...

    A fotografia é uma das invenções mais extraordinár...

    O Projeto “ArsMoriendi - a representação da finitude da vi...

Confiram aí: 28/07 (domingo) Domingo Tem Teatro Horário:10h30 às 12h ...

    O MAC convidado a população em geral, e em especial os aficionad...

19/07 (sexta-feira) Espetáculo Matraga Horário: 19h às 22h Local: Teatro ...


Página de 31
| | | | |

 

Apoio Cultural:



Ballet Azul

Higienizar

Viva Feira
New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados