Fechar Página

Sandro Penelú
É Cantor, compositor e violonista profissional, com especialização em violão popular e dissonante. Foi vencedor do Festival de Música da antiga Rádio Cultura, em 1988, recebendo ainda troféu melhor arranjo e melhor interpretação. Em 1989, participou do projeto “OFICINA DE MÚSICA”, coletânea gravada com diversos artistas emergentes da época, na qual, além de intérprete de sua própria música, foi também convidado especial para vocal em todas as faixas e responsável pelos arranjos de violão, participando também como diretor musical daquele projeto. Foi vice-campeão do I MUSIFEST, realizado no palco do Feira Tênis Clube (1991).
 
Conquistou por dois anos consecutivos o troféu Melhor Voz e Violão do Ano (1992 e 1993), promovido pela Nativa Chic Produções. Foi co-produtor e arranjador do disco de Janno, no qual uma música sua foi gravada, “Encanto”, a qual seguiu durante dez anos sendo tocada no rádio! Foi também finalista do I FECON, festival de música realizado em 1997, no palco do CCAAm, participando do disco deste festival em duas de suas faixas, um feito praticamente inédito em se tratando de festivais. Participou também como arranjador do disco de Almery Bastos, no qual tem uma participação especial em uma das faixas e acaba de lançar o seu próprio CD.
 
Sandro Penelú atua em casas de show, em Feira de Santana, há exatos vinte e um anos, sempre desfilando um repertório à base da MPB e Pop Nacional, além de exercer outras atividades vinculadas a arte e a noite feirense, sendo também colunista do Jornal “Feira Noite e Dia”, onde mantém uma coluna sobre atividades artística e uma agenda, na qual divulga seu trabalho e dos demais colegas artistas que a ele solicita.
 
Podemos afirmar que Sandro Penelú, é parte da Cultura e da noite feirense, por seu excelente trabalho, e também por seu espírito de solidariedade aos demais artistas da comunidade.
 
(VIVA FEIRA 2010)
 
SANDRO PENELÚ TEM A EXELÊNCIA DE SER UM CRIADOR INQUIETO, QUE ESTÁ SEMPRE SE RENOVANDO, POR ISSO MESMO, ELE ELABOROU VÁRIOS BLOGS PARA EXPRESSAR SUA ARTE LIVREMENTE. CONHEÇA OS TRABALHOS DE SANDRO, ALÉM DO CANETA AFIADA:









Uma TV utópica


Publicado em: 14/08/2019 - 07:08:00


Ao lado do saudoso Tião Pereira, quando editávamos o Informativo Cultural, idealizamos um canal de TV em Feira de Santana, cuja tônica seria a cobertura dos eventos culturais que acontecem na cidade. Quando possível, mostraríamos o evento ao vivo. Isto era apenas um sonho acalentado por nós; uma gostosa utopia. Entretanto, quanto se perde em acalentar sonhos tão sadios? O que há de absurdo em idealizar uma TV que realmente mostre Feira de Santana? Para dois jovens sonhadores, era impossível, mas será que hoje é possível para alguém ou algum grupo?

 

*SÓ PRA MEDITAR - No último final de semana, participei de uma palestra cujo tema envolvia procedimento de pequenas e micro-empresas. E o palestrante, em determinado ponto, declarou solenemente: “Se você compra um produto por um real, deve vendê-lo no mínimo por dois. Caso contrário, você estará tendo prejuízo”. Olha, se é com essa margem de lucro que trabalham as nossas empresas comerciais, estaria explicado o porquê de o rico estar cada vez mais rico e o pobre cada vez mais pobre...

 

*DEU NO RÁDIO (INCRÍVEL!) - Parece até mentira, mas aconteceu: um determinado repórter, logo de manhãzinha, após ter dada a notícia sobre o assassinato ocorrido na cidade, fez a seguinte pergunta para o âncora: “Será que o assassino é doido ou tem problemas mentais?” (Sem comentários).

 

*PIRANGUETE - Elas são uma mistura de piranha com piriguete e estão sempre dispostas a qualquer aventura. Seus alvos prediletos são os homens casados e os que possuem gordas contas bancárias. Quase nunca andam sozinhas e estão sempre em grupos de quatro ou cinco. Geralmente, fumam e bebem bastante e, pra completar, têm um baixíssimo nível de linguagem.

 

*FALTA DE EDUCAÇÃO -  Já presenciei algumas cenas de falta de educação no comércio de Feira de Santana, quando alguns caixas recebem o dinheiro e, na hora de dar o troco, jogam o “dindim” em cima do balcão sem nem olhar para o rosto do cliente. Eu queria perguntar se é feito algum tipo de conscientização e preparo para aqueles que vão lidar diretamente com o cliente, afinal o elemento mais importante no comércio é o freguês.

 

*DEU NO RÁDIO II (REPÓRTER ALUADO) - Um dia desses, pela manhã, um repórter policial começava uma entrevista com um delegado, nos seguintes termos: “Estamos aqui no Centro de Abastecimento, ou melhor, na Delegacia. Bom dia doutor, ou melhor, bom dia delegado. Aliás, pode ficar à vontade, excelência” (Cá, cá, cá, cá!)

 

*BAHIA DE FEIRA – Depois do vacilo dado na Série D, o que custou a eliminação precoce do time, o Tremendão sagrou vice-campeão do torneio sub 17, realizado recentemente, aqui na Bahia, envolvendo grandes times do Brasil. Parabéns ao Tremendão.



Fonte:







Página de 219

| | | | |
Próxima ->




(75) 4141-2757 (fixo) e (75) 8821-6940



New Page 1

 

© 2009-2016 Viva Feira - Todos os direitos reservados